Manoela Monteiro

Estar atenta e se apropriar do nosso texto, do nosso trabalho, do nosso processo, das nossas perguntas. Mais do que um procedimento estético, uma verdadeira investigação de si mesma.

Movida pelo desejo de expansão da consciência e dos limites, levando à abstração da forma, à dança das cores e texturas, num gesto amplo e livre de expressão.

Acesso ao sentido, ao que pulsa e produz faísca. Terreno pro novo, pra ser diferente, pulsar inteira, vibrar com a alegria de estar à vontade sendo quem se é.

Pintura, moda e arte como linguagem, ferramenta de comunicação e pesquisa.