Fernanda Santiago

“Micropartículas de tinta em uma tela branca.Tudo se expande, interage e se funde.O sensorial ganha formas e cores,carregadas de energia materializada, manifestadas a partir da essência da criação.

De forma sútil, o observador pode ser tocado por essas frequências energéticas quando se permite conectar com a dimensão abstrata.”

Assim a artista intuitiva autodidata, Fernanda Santiago, descreve a primeira obra da série ‘Magnética`, que ganhou vida em uma Collab com a NuiNui.